GeralPiauí

Estado do Piauí pode ter surto de dengue, zika e chikungunya em 108 cidades

Levantamento do ministério da Saúde coloca 108 cidades do Piauí na lista

Um levantamento divulgado pelo Ministério da Saúde, nesta terça-feira (30), coloca 108 cidades do Piauí na lista de municípios que podem ter surto de dengue, zika e chikungunya, doenças causadas pelo Aedes aegypti. São 25 cidades em estado de alerta e 83 em risco. Os números constam no primeiro Levantamento Rápido de Índices de Infestação pelo Aedes aegypti (LIRAa) de 2019.

Entre as cidades em alerta, Landri Sales chama atenção com um índice de infestação predial que chega a 14,80. Já Teresina está entre as 83 cidades em risco para o surto. (Veja a relação completa abaixo)

Na semana passada, a Secretaria de Saúde informou em boletim que o Piauí registrou em 2019 o primeiro aumento no número de casos notificados de dengue em relação ao mesmo período do ano passado. Foram 879 casos em 61 municípios, em comparação a 743 casos em 44 municípios notificados no ano de 2018, representando um aumento de 18,3%.

Em todo o país, 994 municípios apresentaram alto índice de infestação, com risco de surto para as doenças.

O Ministério da Saúde alerta que o sistema de vigilância de estados e municípios e toda a população devem reforçar os cuidados para combater o mosquito. Ao todo, 5.214 municípios realizaram algum tipo de monitoramento do mosquito transmissor dessas doenças, sendo 4.958 (95,1%) por levantamento de infestação (LIRAa/LIA) e 256 por armadilha. A metodologia da armadilha é utilizada quando a infestação do mosquito é muito baixa ou inexistente no local.

O LIRAa é um instrumento para o controle do vetor e das doenças (Dengue, zika e chikungunya). Com base nas informações coletadas, o gestor pode identificar os bairros onde estão concentrados os focos de reprodução do mosquito, bem como o tipo de criadouro predominante. O objetivo é que, com a realização do levantamento, os municípios tenham melhores condições de fazer o planejamento das ações de combate e controle do mosquito.

Indíce satisfatório

Risco

Alerta

(Com informações do MS e Sesapi)

Tags
Mostrar Mais

Notícias Relacionadas

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.

Close
Pular para a barra de ferramentas