Entretenimento

Coronafest: Polícia interrompe festa em Teresina e apreende paredões de som

Três paredões de som foram apreendidos e levados para a Central de Flagrantes de Teresina

A Policia Militar encerrou uma festa com dezenas de pessoas que aconteceu na madrugada de sábado (30) na zona rural de Teresina. Três paredões de som foram apreendidos e os donos tiveram de assinar Termos Circunstanciados de Ocorrência (TCO), porque o ato, que descumpre os decretos de isolamento social devindo à pandemia do coronavírus, é considerado uma infração de baixo potencial ofensivo.

Havia cerca de 40 pessoas no local da festa. De acordo com o capitão Thanack Hitler, do batalhão Rondas Ostensivas de Natureza Especial (Rone), a festa acontecia em um sítio localizado no povoado São Geraldo, a cerca de 20 quilômetros da capital. “Eles organizam as festas assim, distante da cidade, para escapar da fiscalização”, comentou o capitão.

Os policiais fizeram buscas no local por armas ou drogas, mas nada foi encontrado além de bebidas alcoólicas.

Os três veículos com som foram apreendidos e encaminhados para a Central de Flagrantes de Teresina. Os donos assinaram os TCOs e todos foram liberados, sob ordem para voltarem para casa.

Decretos determinam distanciamento social

Para evitar a contaminação pelo vírus, o isolamento social e medidas emergenciais foram determinadas por meio de decretos do governo do estado e das prefeituras, como na capital piauiense, para que a população fique em casa e evite ao máximo ir às ruas. Aulas em escolas e universidades, a maioria das atividades comerciais, esportivas e de serviços em geral estão suspensas por tempo indeterminado.

Serviços essenciais como farmácias, postos de combustíveis e supermercados continuam mantidos mas estão regulamentados. O atendimento em clínicas, hospitais e laboratórios, assim como o funcionamento de escritórios de advocacia e contábeis também foram liberados mediante cumprimento de regras.

O uso de máscaras em locais públicos tornou-se obrigatório em todo o estado. Policiais fazem abordagens nas fronteiras do estado a ônibus e veículos particulares. Os decretos preveem que quem descumprir as regras pode ser penalizado com multa ou até prisão.

Fonte: falapiaui.com
Tags
Mostrar Mais

Notícias Relacionadas

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.

Close
Pular para a barra de ferramentas