Piauí

PRF escolta três caminhões para levar combustível ao aeroporto de Teresina

Crise pode ficar mais séria se caminhoneiros não aceitarem acordo

Equipes da Polícia Rodoviária Federal fizeram, na tarde desta sexta-feira (25), a escolta de três caminhões-tanque até o Aeroporto Petrônio Portela, na zona norte de Teresina. Os caminhões levavam combustível aeronáutico que é utilizado para abastecer aviões. A operação envolveu equipes da PRF de Teresina e Caxias.

Segundo a PRF, a superintendência da Infraero solicitou a escolta policial através de ofício para evitar o desabastecimento de combustível no Aeroporto de Teresina. Somente hoje, dois voos foram cancelados na capital por falta de combustível aeronáutico.

Três viaturas da Polícia Rodoviária Federal fizeram a escolta dos caminhões. (Foto: Jailson Soares/O Dia)

A medida foi necessária por conta do bloqueio feito pelos caminhoneiros em diversos pontos da rodovia que liga o Maranhão ao Piauí. Três viaturas da Polícia Rodoviária Federal fizeram a escolta dos caminhões, que vieram pela BR-316, passando pelo Posto Fiscal da Tabuleta, na zona sul da capital.

PRF escolta três caminhões para levar combustível ao aeroporto. (Foto: Jailson Soares/O Dia)

Os caminhões saíram de São Luís do Maranhão e ficaram retidos em Caxias. A escolta chegou ao aeroporto de Teresina por volta das 15h30.

Postos estão sem combustível

No 6º dia de greve dos caminhoneiros, que paralisaram suas atividades em resposta à alta do diesel, a crise do abastecimento se intensifica e setores de vendas e serviços já sentem os efeitos disso.  Devido à greve, vários postos de Teresina já estão sem combustível.

Postos fecham por falta de combustível (Foto: Jailson Soares/O Dia)

Três deles estão localizados na Av. Nossa Senhora de Fátima, zona leste de Teresina e um está localizado na Avenida João XXIII. Neste último, a gasolina está em falta desde a tarde de ontem (25). Por conta disso, somente as bombas de diesel estão funcionando.

Com medo do desabastecimento e dos altos preços da gasolina, vários motoristas optaram por encher o tanque nesta sexta-feira (25), é o caso do analista Bruno Silva. “Eu fui abastecer e o frentista me falou que a partir de amanhã o litro da gasolina vai custar mais de R$ 5, por isso resolvi encher logo o tanque, para não ficar no prejuízo”, afirma.

Fonte: Portal O Dia

Mostrar mais

Artigos relacionados

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Botão Voltar ao topo