Política

Marcelo diz que disputa para governo e Senado não pode se subordinar à dos deputados

Maioria deseja o chapão para ficar na base do governo

Cinco dos principais partidos da base aliada do governador Wellington Dias (PT) se reuniram na manhã desta segunda-feira (04/06) na residência do deputado federal Marcelo Castro, para debater sobre coligação proporcional nestas eleições.

Nesta reunião, além de MDB, defenderam o chapão os líderes do Progressistas (Júlio Arcoverde), PR (Fábio Xavier), PDT (Flávio Nogueira) e PTB (Janaína Marques).

Para Marcelo Castro, não há dúvidas de que a formação de uma chapa única é a “melhor estratégia” para beneficiar a base de Wellington.

Argumenta que a base não pode partir para a eleição, subordinando a disputa para governo e senado, à disputa para deputado estadual. “A lógica diz que a priorização é em função [da eleição] de governador e de senador”.

Durante a reunião ninguém tocou no vazamento do áudio reproduzido pelo ex-deputado Roncali Paulo a um suposto amigo. Segundo fontes, Marcelo Castro estaria estremecido com Roncali por causa do vazamento do áudio.

Tags
Show More

Related Articles

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Close