Política

Plenário da Alepi rejeita requerimento para audiência sobre o Plamta

O pedido do requerimento foi do deputado Luciano Nunes

A Assembleia Legislativa rejeitou, na sessão plenária desta terça-feira(19), por maioria de votos, requerimento do deputado Luciano Nunes (PSDB), vice-presidente do Poder, que pedia a realização de uma audiência pública na Comissão de Administração Pública e Política Social para debater atrasos no pagamento pelo Governo do Estado dos hospitais credenciados junto ao Plamta (Plano de Saúde Tratamento e Assistência).

Ao defender a proposição, Luciano Nunes disse que os servidores estaduais estão apavorados com a notícia de que os hospitais deixarão de atender os segurados do Plamta dentro de 30 dias. Ele indagou o que o Governo está fazendo com o dinheiro que é descontado todos os meses dos contracheques dos funcionários.

O líder do Governo, deputado Francisco Limma Lula (PT), disse que a presidente do Iaspi (Instituto de Assistência à Saúde dos Servidores do Estado do Piauí), Danielle Aita, enfrenta uma gravidez de risco e não poderia comparecer a audiência pública, por isso afirmou que sua orientação era no sentido de que a bancada governista votasse contra a proposição.

Os deputados Marden Menezes (PSDB), Robert Rios (DEM) e Dr. Pessoa (SD) se manifestaram a favor da aprovação do requerimento de Luciano Nunes. Robert Rios lamentou que o líder do Governo não tenha sido informado de que o secretário da Fazenda, Rafael Fonteles, divulgou um cronograma de pagamento dos hospitais que prestam serviços ao Plamta.

Tags
Show More

Related Articles

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Close