Piauí

Ministro da Saúde Gilberto Occhi visita HGV e anuncia investimento de R$ 3,8 milhões

Para o ministro da Saúde, isso vai proporcionar mais qualidade de saúde para população

O ministro da Saúde, Gilberto Occhi, realizou uma visita técnica ao Hospital Getúlio Vargas (HGV) na manhã desta sexta-feira, 17, para conhecer a ala cardíaca que receberá investimento de R$ 3,8 milhões para aquisição de equipamentos e materiais para implementação do serviço de cirurgia cardíaca. Occhi também visitou a obra dos vinte novos leitos de UTI que estão em obra. O ministro estava acompanhado da presidente da Fundação Piauiense de Serviços Hospitalares (Fepiserh), Natália Monteiro, do secretário de Estado da Saúde, Florentino Neto, do prefeito de Teresina, Firmino Filho, e da diretora-geral do HGV, Fátima Garcez.

O HGV já têm todo espaço físico necessário para o funcionamento do serviço de cirurgia cardíaca, faltando apenas a aquisição de equipamentos e materiais permanentes. A chegada das cirurgias cardíacas vai dar andamento a uma longa fila de espera pelo atendimento, sendo grande parte dessa demanda oriunda do Interior, como explica a diretora-geral do HGV, Fátima Garcez.

Segundo Fátima, são mais de cem pacientes aguardando pelo serviço. “Temos uma grande demanda aguardando o início das cirurgias cardíacas. O espaço físico do centro cirúrgico já está pronto, faltando o aparelhamento e instrumentais para darmos início ao serviço”, conta Garcez.

No último dia 25 de julho saiu a nota de empenho do Ministério da Saúde que autoriza e possibilita a licitação dos equipamentos para implementação do serviço. Serão investidos R$ 3,8 milhões, oriundo de recursos do Ministério. A habilitação do HGV para receber as verbas federais destinados à aquisição de equipamentos e material vem tramitando desde maio, quando o ministro da Saúde, Gilberto Occhi, recebeu uma comitiva formada pelo então presidente da Fundação Piauiense de Serviços Hospitalares, Rafael Neiva, deputado Pablo Santos, e a diretora do HGV, Fátima Garcez. O encontro foi articulado pelo senador Ciro Nogueira e pela deputada Iracema Portella, que inicialmente apresentaram ao ministro, as demandas solicitadas pelo hospital, e verificaram a possibilidade de captação do investimento.

Para o ministro da Saúde, isso vai proporcionar mais qualidade de saúde para população, em especial, aos pacientes que aguardam na filas de espera por cirurgia. “São investimentos importantes para o Piauí. Apesar de estarmos trabalhando para a oferta de novos serviços de alta complexidade, a demanda é crescente, mas estaremos sempre investimento nessas áreas para melhoria no atendimento. Também vamos apoiar o hospital na aquisição de novos equipamentos para transplante e cirurgia renal”, revela Occhi.

Para a presidente da Fundação Hospitalar do Estado, Natália Monteiro, a cirurgia cardíaca é de extrema relevância para os pacientes da rede hospitalar estadual. “O HGV realiza mais de mil cirurgias mensais e possui 345 leitos, todos destinados ao SUS. É o maior hospital público do Piauí e também o que tem a maior demanda, por isso mesmo, precisa sempre estar recebendo melhorias e otimização dos serviços. Estamos animados com a chegada dos recursos e a ativação do centro cirúrgico cardíaco. É fruto do empenho de toda equipe da Fundação Hospitalar e do HGV para que desse certo. E claro, somos gratos ao Ministério da Saúde pela celeridade com que tratou o trâmite”, destaca.


Fonte: Com informações da assessoria
Tags
Show More

Related Articles

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Close