Brasil

STF aprova soltura de presos, mas Toffoli derruba decisão

Decisão foi aprovada no último dia de Trabalho do Supremo Tribunal Federal.

Nesta quarta-feira (19), Marco Aurélio mandou soltar todas os presos condenados pela segunda instância da Justiça. Decisão foi aprovada no último dia de Trabalho do Supremo Tribunal Federal.

Decisão beneficiaria, segundo dados do Conselho Nacional de Justiça (CNJ) quase 169 mil presos, entre eles o ex-presidente Luís Inácio Lula da Silva. Preso desde abril, Lula foi condenado pelo Tribunal Regional de Federal da Quarta Região (TRF-4), responsável pela Lava Jato em segunda instância.

Logo após decisão, o presidente do Supremo Tribunal Federal (STF), Dias Toffoli, derrubou a decisão do ministro Marco Aurélio Mello.

Diante disso, a procuradora-geral da República, Raquel Dodge, recorreu ao Supremo, e Toffoli, de plantão, derrubou a decisão de Marco Aurélio.

Pela decisão de Toffoli, a decisão de Marco Aurélio está suspensa até 10 de abril do ano que vem, quando o STF julgará o tema em definitivo.

 

Tags
Show More

Related Articles

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Close