Cidade

Águas de Teresina irá controlar o uso de poços tubulares na capital

Semar e Águas de Teresina vão qualificar poços tubulares na capital

A Águas de Teresina selou acordo de cooperação técnica com a Secretaria Estadual de Meio Ambiente e Recursos Hídricos (Semar) para qualificar informações sobre os poços tubulares profundos de alta vazão na zona urbana da capital. O convênio foi celebrado na última quinta-feira (03).

A partir do acordo celebrado, as partes irão elaborar um plano de trabalho em conjunto para fazer a verificação de toda a documentação e, de posse de todas as informações técnicas, a concessionária terá o controle quantitativo e qualitativo sobre a utilização dos poços.

Participaram da assinatura do acordo o secretário da Semar, Robério Aslay, o diretor-presidente da concessionária, Cleyson Jacomini e o diretor-executivo, Diego Dal Magro.

A qualificação desses documentos atende à legislação ambiental, em especial a Lei nº 9.433/97, que Instituiu a Política Nacional de Recursos Hídricos e criou o Sistema Nacional de Gerenciamento de Recursos Hídricos.

“A Semar está à disposição para trabalhar em parceria com a Águas de Teresina de modo a otimizar o processo de atualização dos documentos e liberação das licenças e outorgas de forma a contribuir com a concessionária e sua programação de obras e operação dos sistemas de água e esgoto”, destaca o secretário Robério Aslay.

Participaram do encontro ainda o auditor ambiental da Semar, Eryson Thiago do Prado Batista e Ana Clara Carvalho, especialista em qualidade da água pelo Banco Mundial.

“A assinatura desse termo de cooperação é de suma importância para que tenhamos o controle e eficiência sobre a utilização dos poços tubulares profundos. Vamos trabalhar no levantamento das informações, especialmente dos poços mais antigos os quais não temos todos os dados ainda”, destaca Diego Dal Magro.

O acordo de cooperação técnica assinado nesta quinta-feira terá prazo de vigência de quatro anos, podendo ser prorrogado ou alterado através de Termos Aditivos.

Com informações da assessoria da Águas de Teresina

Tags
Show More

Related Articles

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Close