Política

PF do Piauí vai investigar laranjas do PR e PRB por desvio de verbas parlamentares

Ao todo foram gastos R$ 1 milhão do Fundo eleitoral para três candidatas

Depois de ser exoneração do ministro da Secretaria-Geral da Presidência Gustavo Bebianno (PSL), envolvido em esquema de candidaturas laranja e em desvio de verba partidária dentro do PSL, parece que agora o mesmo procedimento chegou ao Estado do Piauí.

Três candidatas a deputada pelo PR e PRB receberam mais de R$ 1 milhão do Fundo Eleitoral, mas tiveram apenas 574 votos para a Câmara e Assembleia. O que deixa evidente que a prática desse procedimento acontece em todos os partidos. Logo, a falta de candidatas mulheres, que realmente querem disputar uma eleição de igual para igual com os homens, ainda não é uma realidade.

O caso é semelhante aos “candidatos laranjas” do PSL, que virou alvo de investigação da Polícia Federal.

O PR, partido presidido por Fábio Xavier, destinou R$ 370 mil para a campanha de Tamires Vasconcelos a deputada estadual, e após gastar todos os recursos, ela obteve apenas 41 votos, sendo cinco na cidade onde reside – Regeneração – e sete na capital Teresina. Cada voto custou R$ 9 mil.

Tamires Vasconcelos

Já a candidata a deputada federal Soraya Coelho, do PRB, recebeu R$ 446 mil do partido, e a recepcionista Raimunda Marques mais R$ 324 mil.

Candidatas do PR e PRB do Piauí são consideradas Laranjas
Soraya Vasconcelos com o presidente do PRB no Piauí, deputado Gessivaldo Isaías

Mas as duas juntas tiveram apenas 533 votos. Soraya teve 319, e Raimunda, 214.  O presidente estadual do PRB é o deputado Gessivaldo Isaías.

Tags
Show More

Related Articles

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Close