Cidade

PMT baixa novo decreto sobre uso de transporte público para forçar isolamento

Bilhetagem eletrônica diz que 3 mil idosos usaram transporte gratuito em Teresina

Dados da Superintendência Municipal de Transportes e Trânsito (STRANS) informam que nesta segunda-feira (23) foi verificado, pela bilhetagem eletrônica, que cerca de 3 mil passageiros idosos utilizaram, com direito à gratuidade, o transporte coletivo de Teresina. Dessa forma, para garantir de forma responsável a proteção direta dos idosos, grupo de maior risco ao novo coronavírus, foi assinado hoje o Decreto nº 19.541 que dispõe sobre as medidas na área do transporte público para o enfrentamento à pandemia provocada pelo covid19.

Assim, está suspensa a gratuidade do idoso, referente ao uso do transporte público, por ser o de maior risco, conforme autoridades de saúde; fica limitado o funcionamento do Transporte Eficiente (que atende pessoas com deficiência), para atendimento através de agendamento somente em casos especiais de saúde e de abastecimento pessoal. Fica determinado também às empresas que operam o sistema de transportes públicos que mantenham o funcionamento da frota mínima prevista constitucionalmente e que os consórcios de ônibus forneçam os materiais necessários de segurança e de limpeza.

Weldon Bandeira, superintendente da Strans, diz que esperava uma redução de passageiros de todas as idades, mas na categoria dos idosos não se verificou no mesmo percentual das demais. “Na última sexta-feira, 20, foi registrado pela bilhetagem cerca de 3.900 idosos circulando nos ônibus com o uso da gratuidade. Nesta segunda já verificamos cerca de 3 mil. Nosso apelo é para que as famílias impeçam os idosos de saírem de casa. Já está comprovado e alertado que são os idosos os que mais apresentam problemas de saúde com esse vírus. Se faz necessário proteger esses idosos e evitar a transmissão da doença na cidade”, explica.

A recomendação das autoridades da área da saúde e dos gestores é que todas as pessoas fiquem em casa. No caso das pessoas com mais de 60 anos de idade, por ser o grupo de maior risco de contrair o Covid -19, esta recomendação deve ser obedecida. Em todo o Brasil teve início hoje, 23, a campanha de vacinação contra a gripe para pessoas com idade a partir de 60 anos, mas existem postos funcionando em 91 Unidades Básicas de Saúde (UBS )em todos os bairros da cidade e até em escolas.

Tags
Show More

Related Articles

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Close