GeralPiauí

Defesa Civil alerta para risco de inundações em quatro municípios piauienses

Há alto risco de inundação nos municípios de Porto, Buriti dos Lopes, Parnaíba e Ilha Grande.

A Defesa Civil Estadual recebeu do Centro Nacional de Monitoramento e Alertas de Desastre Naturais (Cemaden) alerta de alto risco de inundação nos municípios piauienses de Porto, Buriti dos Lopes, Parnaíba e Ilha Grande, devido ao acúmulo pluviométrico previsto para as próximas horas.

A previsão meteorológica indica a tendência de continuidade de elevação do nível dos rios Parnaíba, Longá, Igaraçu e afluentes, somada à previsão de continuidade de chuva na região norte do estado.

Como parte do trabalho prévio, a Defesa Civil Estadual mantém contato com as instâncias municipais para monitoramento da situação de comunidades localizadas em áreas consideradas de risco. “Estamos em contato permanente com as defesas civis municipais e acionamos as ferramentas que dispomos, caso haja necessidade de auxílio ou intervenção por parte do Governo do Estado”, elucida o secretário de Estado da Defesa Civil, Geraldo Magela.

Em Porto, os índices acumulados de precipitação são de até 106 mm em 24 horas. Lá, o nível do Rio Parnaíba encontra-se em 684 m, com elevação de 0,02 m/h, segundo a Estação Fluviométrica Coelho Neto. Estima-se que 1162 pessoas, em 288 moradias, estejam expostas ao risco no município.

Na cidade de Buriti dos Montes, o Parnaíba registra um nível de 5,78m, tendo ultrapassado a cota de inundação e continua em elevação. A projeção é de que 2.400 pessoas, em 600 moradias, estejam sob risco na cidade.

O nível do rio Parnaíba encontra-se em 5,78 m, com elevação de 0,01 m/h, em Ilha Grande. A alta da maré na zona costeira do município ocorreu nesta quinta-feira (23) e o coeficiente de marés desta sexta-feira (24) é alto (87). Estima-se que 1928 pessoas, em 482 moradias , estejam expostas ao risco alertado.

Em Parnaíba, segundo município mais populoso do estado, a previsão meteorológica indica continuidade das pancadas de chuvas. Considerando a condição de elevação do nível do Rio Parnaíba, somada à previsão meteorológica, os dados da Cemaden atentam para a necessidade de uma atenção especial à população ribeirinha que habita às margens do rio e seus tributários. Estima-se que 3.124 pessoas em 776 moradias estejam expostas ao risco alertado.

Tags
Show More

Related Articles

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Close