GeralPiauí

Governo Estado do Piauí recebe 20 respiradores nesta quarta (27)

Por meio de mandado de busca e apreensão, o governo enviou avião para o resgate imediato dos equipamentos em São Paulo.

O Governo do Piauí, por meio da Secretaria de Estado da Saúde (Sesapi), recebe, nesta quarta-feira (27), os 20 respiradores mecânicos comprados pelo Estado e que haviam sido confiscados pelo Ministério da Saúde. Por meio de mandado de busca e apreensão, os equipamentos foram localizados em São Paulo e o governo enviou avião para o resgate imediato dos mesmos.

A busca e apreensão foi determinada pelo juiz Márcio Braga Magalhães, da 2ª Vara Federal do Piauí, que determinou ao Ministério da Saúde devolver os respiradores ao Piauí, que foram retidos a pedido do governo federal para distribuição em todo o país. A compra dos respiradores foi feita antes da pandemia do novo coronavírus e o Governo do Piauí foi surpreendido com o confisco pelo Ministério da Saúde.

Os respiradores fazem parte de um lote de 81 equipamentos adquiridos pelo Governo do Estado que estavam retidos. O restante do lote deve ser entregue nos próximos dias já garantidos também por decisão judicial.

De acordo com o secretário de Estado da Saúde, Florentino Neto, dos vinte respiradores, onze serão destinados à ampliação da UTI do Hospital Natan Portela; cinco serão colocados no Hospital de Campanha do Ginásio Verdão e quatro para o Hospital Getúlio Vargas (HGV).

Os respiradores são acionados nos casos mais graves da Covid-19, ajudando o paciente a recuperar a capacidade do tecido pulmonar.

Florentino Neto acredita que, com a chegada dos respiradores, o sistema de saúde terá uma situação “mais confortável”. “Além de toda essa iniciativa, nós estamos em tratativas para trazer mais respiradores da Turquia em uma contratação feita pelo Estado”, diz o gestor.

Na sexta-feira (29), mais 100 respiradores devem chegar ao estado vindos da Turquia. Essa compra foi feita pelo Consórcio Nordeste.

Aparelhos saíram de São Paulo.

Tags
Show More

Related Articles

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Close