Geral

Padre é afastado de paróquia na Zona Sudeste de Teresina após denúncias à Arquidiocese

Arquidiocese da Teresina não informou o teor da denúncia. O caso foi encaminhado ao Vaticano.

O padre Jardel Moreira foi afastado da igreja Nossa Senhora Aparecida, situada no bairro Renascença, Zona Sudeste de Teresina por conta de uma denúncia contra o padre e entregue à Arquidiocese da capital a cerca de dois meses. O afastamento ocorreu há 15 dias. O caso foi encaminhado para a jurisdição eclesiástica da Igreja Católica no Vaticano, em Roma.

Ao G1, o padre Isaías Pereira, assessor de comunicação da Arquidiocese de Teresina, não informou sobre o teor da denúncia feita contra o padre.

“A denúncia corre em um processo interno da igreja, e a decisão final será feita pela Santa Fé. O caso foi relatado diretamente ao arcebispo Dom Jacinto de Brito”, relatou o padre Isaías.

Enquanto o processo estiver sob investigação, o padre Jardel não poderá celebrar missas em público, nem administrar ou assistir sacramentos, usar trajes clericais ou se apresentar em nome da igreja como sacerdote.

“Todo processo na igreja é suscetível de pena. Ele será julgado pelo Vaticano e, se for entendível que ele é culpado, ele poderá deixar de padre”, explicou o assessor da Arquidiocese.

G1PI

Tags
Show More

Related Articles

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Close