Piauí

Sesapi discute Saúde Mental na Pandemia

Serão realizadas onze oficinas sobre o assunto até o mês de abril, sendo que a primeira acontece nesta quinta-feira (11).

A Secretaria de Estado da Saúde (Sesapi), através da Gerência de Atenção à Saúde Mental, realiza nesta quinta-feira (11), o IV Colegiado Estadual de Coordenadores, Usuários e Profissionais de Saúde Mental do Piauí. A abertura acontece às 8h30, pela plataforma Cisco Webex. O evento é destinado aos coordenadores e profissionais que atuam em CAPS, EAPs, Leitos de Saúde Mental, Serviço Residencial Terapêutico, Unidade de Acolhimento, Gestão em Saúde Mental, representantes de usuários e familiares, Conselho Estadual de Saúde, Cosems, Grupo Condutor da RAPS, além de profissionais do Sistema de Garantia de Direitos, como promotores e defensores públicos.

O colegiado acontecerá até o mês de abril com a realização de onze oficinas, sendo a primeira nesta quinta-feira (11). As próximas serão realizadas nos dias 18 e 25 de março; e dias 8, 15 e 22 de abril. A programação do IV Colegiado Estadual de Saúde Mental faz parte de uma construção coletiva da Gerência de Atenção à Saúde Mental/Sesapi com o Grupo Condutor da RAPS do Estado do Piauí.

Segundo a gerente de Saúde Mental da Sesapi, Virginia Pinheiro, o objetivo do evento é fomentar discussões sobre o cuidado em saúde mental da nossa população piauiense. “Queremos contribuir para o fortalecimento da Rede de Atenção Psicossocial através da atuação no campo do cuidado, promoção e assistência ao cuidado integral em Saúde”, afirma.

A gerente diz ainda que o evento vai propor estratégias de cuidado para a construção de respostas aos desafios atuais nos processos de trabalho. “Vamos partir das experiências vivenciadas no cotidiano de gestores, profissionais, trabalhadores e usuários dos serviços de saúde”, completa. A palestra de abertura terá como tema o SUS, a RAPS e os desafios na atual conjuntura, ministrada pelo professor João Paulo Macêdo (UFPI) e, em seguida, a oficina sobre Gestão em saúde mental com a professora Lúcia Rosa (UFPI).

Tags
Show More

Related Articles

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Close